Mercenário

Basta sair na imprensa que jogador “x” está prestes a mudar de time por aceitar uma oferta salarial superior à atual para que os torcedores de plantão comecem a ecoar o famoso grito de “mercenário”. Neste post, gostaria de refletir um pouco sobre esta “tradição” existente nas arquibancadas dos estádios em todo o Brasil.

Penso que todo profissional que se preze tem o dever (não somente o direito) de buscar sempre o melhor para o desenvolvimento de suas carreiras. Afinal, quem não quer ganhar mais?… trabalhar em lugares melhores?… ter mais autonomia?… ser reconhecido? Se feito de maneira legítima e respeitando as partes envolvidas, ok! Essa opinião vale também para a profissão de jogador de futebol. Sim profissão, já que esta categoria hoje em dia é tão regulamentada quanto qualquer outra aqui, seja no Brasil ou mundo afora.

Acontece que por aqui o senso comum acredita na percepção de que o jogador de futebol não é um profissional. É tido como um ser humano cuja função é aquela que todos um dia sonharam. Ser pago para exercer o que para muitos é um simples lazer. Portanto, nem sequer deveriam ser reconhecidos. Aliás, pensamos o contrário, já que muitos dariam tudo (em vez de receber) para passar a vida jogando bola.

Não entrarei no mérito de que esses atletas são verdadeiros ídolos e, como tal, possuem um valor intangível que os fazem justamente serem muito bem remunerados. Sabemos que existe valor para quem tem a função de entreter o público toda quarta e domingo e servirem de tema das rodinhas nos bares, escritórios e faculdades!

Evidentemente há exceções dentro do futebol – e muitas – que fazem questão de contribuir para a manutenção dessa pecha de “mercenários”. Que privilegiemos os “mercenários”do bem!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s